Imprimir
Visto: 537

 O SENTIDO MORAL NECESSÁRIO O VERBO ESPIRITUAL E DINAMISMO

 

(GESTAÇÂO DE UMA NOVA ERA)

Pr. Om Lind Schernrezig

 

 

Pouco importa que sejamos conhecidos como O AGHARTHA, o SANTUÁRIO UNIVERSAL, A FRATERNIDADE DO HOMEN ou  A COMUNHÂO ESPIRITUAL. Nos tempos antigos, éramos conhecidos sob diferentes nomes, tais como A GRANDE FRATERNIDADE BRANCA (ESPIRITUAL), ALIANÇA UNIVERSAL ou A REGRA DE OURO, O SANTO IMPÉRIO ou A ORDEM DIVINA DA SANTA ALIANÇA. Hoje, o que o mundo necessita mais que tudo, é SENTIDO MORAL. As pessoas confundem a Fé com o sectarismo, a Esperança com a escravidão, o Respeito a si mesmo com a submissão à seita ou com a anulação de si próprio, e da iluminação por meio da superação.

À Sabedoria – a principal virtude entre as quatro cardeais – e ao amor-compaixão – (karuna do Budismo), acrescentamos as características fundamentais do Islamismo, FÈ, e a fonte do Cristianismo, Caridade. Entretanto, a fonte principal do SANTO DOMINIO consiste no DESPERTAR DA CONSCIENCIA INDIVIDUAL e em PROVOCAR A DINÂMICA ESPIRITUAL; e, nisto, é única, porque produz e reforça a UNIDADE ESPIRITUAL, assim coo una verdadeira FRATERNIDADE HUMANA sobre a base de respeito mútuo, assistência e proteção entre a gente pacífica e livre, de boa vontade, sendo a única alternativa entre isto e uma ditadura absoluta, ou a sugestão coletiva (religiosa ou política) e os poderes tirânicos ou policia Estatal. Em nenhuma parte, fora do SANTO DOMINIO UNIVERSAL, encontram-se esta características especificadas, as quais liberam o individuo de sua prisão mental de fanatismo e chauvinismo e que permite coexistirem diferentes grupos, credos e nações sobre a base de interesses harmonizados e de cooperação em direção aos benefícios do mutualismo. Não só repousa na TOLERÂNCIA, senão sobre o RESPEITO MÚTUO,  a ASSISTÊNCIA, a PROTEÇÂO e a AJUDA, as quais são as únicas bases de verdadeira UNIÂO ESPIRITUAL, essência e fundamento de toda a Paz e Fraternidade humanas.

Temos tido muitos imitadores, tais como os Nazarenos, os Druidas, os Chasares, os Comunitários, a Cruz Vermelha, O Exército da Salvação, o Renascimento Moral, o Eu Sou, o São Cristóvão, os Samaritanos etc., porém, o que a gente necessita para que seja moral e esclarecida, espiritualmente, é sentir a essência da vida. O escotismo para os jovens ou para os adultos está muito bem, mas isso não é, precisamente, uma atitude Espiritual ou uma reabilitação individual, é patente, em contrate com as esplêndidas conquistas obtidas pelos Poderes do Santo Domínio Universal.

Este sentido moral SE FEZ evidente por nós mesmos, nestes últimos anos, com a nossa atitude contra a impostura de alguns místicos que se proclamavam ser “Cristo Reencarnado”,Budha que voltou” e “Profetas enviados por Deus”. Também em nossas declarações contra a Escola Divina de Paris, que era, mais especificamente, uma escola de impostura mística. Também foram evidentes em São Francisco os perigos do VETO, e o “complexo” dos Vitoriosos, no dia em que chagaram a ser realidade as Nações Unidas e, anteriormente, quando denunciamos o mau dos Pactos de Teerã, Yalta e Potsdam, assim como quando advertimos e condenamos a CARTA DO ATLÁNTICO. Esses atos não eram certamente de natureza politica, porque nos situamos em Princípios Universais e em Valores Morais, não por interesses geopolíticos, nem por chauvinismo ou por algum dogma de quaisquer classes. Aplicamos, de fato, o mesmo espírito como quando expusemos a muitas Sociedades místicas, que, em realidade, não são senão organizações mercantis ou sistemas puramente políticos; e também quando denunciamos publicamente a aventura etíope, a qual o Vaticano alentou e bendisse; quando denunciamos o Comunismo como uma forma viciada de conquista, em 1923; quando denunciamos o colonialismo; ou quando expomos os impostos como um método antidemocrático de confisco. Este é, certamente, humanismo integral, porque esta dirigido à reabilitação humana e para fazer com que os valores Espirituais sejam mais respeitados.

Isto e o que chamamos Dinâmica e Verbo Espiritual. Isto desperta a consciência humana e amplia seu campo de ação, rasgando o espesso véu do egoísmo pessoal e traspassando os muros férreos do sectarismo e das leis opressoras do supranacionalismo exclusivista. Esta e uma ação Espiritual em escala Universal.